banner-siteoceb-ajudabanner-age-nov2014portal-baiano-das-cooperativassescoop-maos-unidas

Objetivos OCEB

O Sindicato e Organização das Cooperativas do  Estado da Bahia - OCEB representa as cooperativas baianas perante o poder  público e a sociedade civil, na defesa de seus interesses e na promoção da  atividade cooperativista. Além disso, é um órgão sindical com características  de empregador nos termos do Art. 8º da Constituição Federal de 1988 e Art. 511  da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) com base territorial em todo Estado  da Bahia e em todas as sociedades cooperativas desta Unidade Federativa.

A OCEB presta apoio técnico consultivo ao  Governo quando for de interesse do Cooperativismo. Classificada como sociedade  civil sem fins lucrativos, a OCEB é filiada à Organização das Cooperativas  Brasileiras - OCB, possui duração indeterminada e integra todos os ramos  cooperativistas.

Missão

A missão do Sistema OCEB é representar, defender e desenvolver o cooperativismo baiano para torná-lo mais competitivo, respeitado e admirado pelo papel que desempenha na sociedade

Visão

Ser reconhecida como entidade de excelência,  promotora da sustentabilidade do cooperativismo na Bahia e do desenvolvimento  socioeconômico das pessoas que o integram.

Objetivos

  1. Realizar estudos, diretamente ou em  colaboração com terceiros através de acordos, ajustes, contratos e convênios  propondo soluções para problemas organizacionais ou funcionais das  cooperativas;

  2. Colaborar com o Governo celebrando acordos,  ajustes e convênios para tomada de decisões e medidas no que diz respeito ao  desenvolvimento do cooperativismo e da estrutura sócio-econômica regional;

  3. Promover a divulgação do sistema  cooperativista na Bahia;

  4. Fomentar a criação de sociedades cooperativas  de quaisquer modalidades e categorias e preservar a identidade e a unidade do  Sistema;

  5. Estimular o fortalecimento do Sistema de  Representação do Cooperativismo, incentivando e orientando as cooperativas  filiadas;

  6. Prestar serviços de assessoria e assistência  técnica às cooperativas filiadas e grupos pré-cooperativos quanto aos métodos  operacionais, orientações jurídicas e administrativas mediante trabalhos,  pareceres e recomendações, sujeitas, quando for o caso, à aprovação dos órgãos  próprios da OCB;

  7. Denunciar à OCB práticas nocivas ao  desenvolvimento do cooperativismo;

  8. Manter relações  de integração com as entidades congêneres das unidades federativas;

  9. Manter o registro de todas as cooperativas do  Estado da Bahia regularmente constituídas, observando o que dispõe a legislação  pertinente, inclusive o arquivamento do balanço patrimonial e seus dados  cadastrais devidamente atualizados;

  10. Requerer à OCB o credenciamento de auditores  independentes para os fins previstos no Art. 112 da Lei 5.764, de 16.12.71, bem  como o descredenciamento;

  11. Receber a contribuição cooperativista e  sindicalista, obedecendo a legislação pertinente e as normas fixadas pela OCB.